Wiki Astronomia
Advertisement
Sol visto pero 20110626 08 bo

Estrela é um termo referido a um corpo celeste escuro que emite luz visível, esses corpos celestes contém grande massa e uma composição primária de Hidrogênio e Hélio. Durante seu período de vida, a estrela queima o hidrogênio e o transforma em uma partícula mais pesada,o Hélio. No final de sua vida a estrela pode ter dois destinos:

Gigante Vermelha

A estrela sem ter o que queimar se transforma em uma gigante vermelha, durante esse período os planetas vizinhos a essa estrela podem ser consumidos. Depois disso ela esfria e com ela encolhe e vira uma anã branca, expelindo seu material para fora, formando uma Nebulosa Planetária. Obs: Estrelas que viram anãs brancas tem geralmente a massa do Sol ou um pouco maior.

Supernova

As estrelas que viram supernovas, geralmente estrelas gigantescas, tem uma morte rápida e violenta, a estrela depois de consumir toda a matéria, fica mais pesada, pois seu núcleo é comprimido pela gravidade, formando materiais mais pesados, quando a estrela cria o ferro, ela esta condenada, pois o ferro suga a energia da estrela, logo depois a estrela explode em uma supernova, jogando seus materiais no espaço e criando um Buraco Negro,ou uma Estrela de Nêutrons, que tem duas variações, os Magnetares e Pulsares.

Estrela por Dentro[]

Estrela Por dentro

Núcleo[]

É a região mais interna de uma estrela, que em estrelas como o Sol chegam a 15 milhões de graus,mas em estrelas maiores como Eta Carinae, pode chegar a mais de bilhões de graus. No núcleo, a gravidade comprime o núcleo de hidrogênio e libera o fóton que é a partícula de luz, que começa sua longa viagem até sair da estrela.

Zona Radiativa[]

Esta zona é onde os fótons vindos do núcleo passam e acabam colidindo com partículas de matéria que depois ejetam esses fótons a uma temperatura que vária dos 15,6 milhões de graus na camada mais profundo da zona radiativa , até a mais superficial que atinge 1,5 milhões de graus.

Zona de Convecção[]

Nesta área a temperatura,antes,1,5 milhões de graus,passa para apenas 6.000 graus na parte mais externa. Essa diferença extrema de temperatura faz com que a matéria aquecida na zona radiativa subir e liberar muita energia próximo a superfície.

Fotosfera[]

é a camada mais externa da estrela, com temperaturas de 3.200 graus em estrelas fracas como Próxima Centauri ou 50.000 graus em estrelas como a Eta Carinae.

Cromosfera[]

É a camada que vem logo após a Fotosfera, no começo a temperatura declina para 3.600 graus,porém na parte mais externa da camada volta aos 35.000 graus.

Manchas Solares[]

São partes da estrela que ficam frias devido ao campo magnético forte, nestas áreas é onde ocorre o vento solar que é caracterizado por começar nestas áreas.

As Estrelas[]

A mais Quente[]

Este título como muitos pensam, não é da Eta Carinae (Ela pode ser a mais quente e massiva nas nossas redondezas) ou a RMC136a1 , na verdade elas esta muito longe desse mérito, o mérito vai para a WR 102, com incríveis 210,000 graus.

A mais Massiva[]

Esse título vai para a RMC 136a1, a estrela na Grande Nuvem de Magalhães

Advertisement